Prémios World Changing Ideas Awards 2018: inovação e transformação

Em 3 months ago
shutterstock_678510271

A inovação é parte essencial das empresas, gera crescimento e transforma a economia. No artigo de hoje, vamos ver alguns exemplos de inovação com os vencedores do concurso World Changing Ideas Awards de 2018. 

Estes prémios celebram ideias inovadoras que buscam a transformação e a melhoria do mundo em que vivemos. Por um futuro sustentável e mais justo.

Projeto Empatico, pela KIND Foundation.

Daniel Lubetzky, CEO da KIND, desenvolveu um projeto que valoriza a diversidade e a inclusão. Criou uma plataforma digital e um sistema que integra videoconferência, permitindo que alunos em diferentes pontos do mundo possam estar em contacto.

As lições são desenhadas para criar empatia em relação a diversas pessoas e culturas. Algumas das tarefas que realizam têm por base conhecimentos geográficos, levando os alunos a refletirem sobre como a geografia e outros elementos originam diferenças culturais.

Projeto The Humanium Metal Initiative, pela Great Works.

As agências Great Works e Akestam Holst, de Estocolmo, desenvolveram um modelo de negócio que reaproveita metal. As armas ilegais apreendidas pelas forças policiais são derretidas e transformadas em produtos ou artigos que beneficiem as comunidades atingidas pela violência. As receitas dessas vendas revertem para organizações que combatem a pobreza e a violência nas áreas de onde as armas são originárias.

Projeto GreyMatters, por GreyMatters Care.

GreyMatters é uma aplicação desenhada a pensar nos pacientes com Alzheimer e as suas famílias. Permite reunir fotos, música e histórias num formato de álbum de memórias. Também possibilita inserir conteúdos marcantes da época do paciente, como vídeos de filmes antigos.

O objetivo é ajudar os pacientes a acederem a memórias, mas também apoiar as famílias no seu diálogo com o familiar afetado, aliviando o stress. Cuidar de forma contínua de pacientes com falta de memória causa uma enorme fadiga.

Projeto HelpUsGreen, pela Kanpur Flowercycling.

Os cientistas Ankit Agarwal e Karan Rastogi desenvolveram um projeto em que recolhem milhões de flores depositadas em templos, transformando desperdício em incenso, sabão e embalagens ecológicas. Com este processo, impediram que muitas flores e os pesticidas nelas contidos poluíssem o rio Ganges.

Por motivos religiosos, constituía um desafio encontrar uma solução que não causasse desagrado aos seus praticantes. Nesse sentido, durante o processo, criaram trabalho para mulheres com baixos rendimentos.

A inovação ao lado das empresas.

Sage Faturação é um software inovador porque simplifica a vida dos empresários. Não são necessárias instalações ou configurações complexas. Basta registarem-se e podem faturar em qualquer dispositivo, em qualquer lugar e é um software 100% online.

 

 

 

 

 

 

 

.