Trabalhar a partir de casa: algumas alternativas

Em 3 months ago
shutterstock_328632353

Existem vários motivos para se procurar uma ocupação laboral que possa ser realizada a partir de casa, sendo o motivo mais vezes referido, o desejo de realizar um acompanhamento de crianças ou idosos na família.

Ainda são na maioria dos casos, mulheres que fazem esta opção, mas são cada vez mais vulgares os casos em que homens também optam por trabalhar a partir de casa. O acesso à internet aumentou as possibilidades de trabalhar à distância, com uma variedade de opções que até há poucos anos não existiam.

Ensino virtual.

O ensino virtual permite colocar em utilização conhecimentos adquiridos previamente, utilizando diferentes plataformas como FaceTime, Skype ou Google Hangouts, podemos estar com os alunos numa sala de aula virtual. Se estiverem a fornecer um serviço a uma empresa é natural que peçam algum certificado de estudos na área. Em geral as áreas mais procuradas e melhor remuneradas estão associadas à matemática e às ciências

Telemarketing.

Uma área bastante menos exigente, na qual algumas empresas já integram colaboradores que trabalham de casa, e cujo o trabalho é acompanhado através de uma plataforma. Vendas de produtos, apresentação de serviços, realização de inquéritos, implicam sempre uma boa articulação verbal, simpatia e persistência. As  remunerações estão em geral relacionadas com a concretização de objetivos.

Transcrição de gravações.

 A transcrição de gravações é um trabalho demorado, e é comum nas empresas esta tarefa ser entregue a pessoal externo. Além de rapidez a digitar texto, é necessária uma elevada capacidade de concentração e algum tempo disponível. A transcrição pode ser bastante lenta, dependendo do material que se recebe. Em geral os temas técnicos, são melhor remunerados por comportarem um grau de dificuldade superior

Trabalho artesanal.

 Durante os anos de crise econômica assistimos ao ressurgir dos trabalhos artesanais. Áreas tradicionais, como crochet e malha, transformadas de forma criativa. Comercializadas em eventos temporários, como feiras de rua, ou através da venda online. Plataformas como Etsy recebem 3,5 % do valor das vendas e permitem ter acesso a um amplo público.

Trabalhar de casa e faturar.

 Trabalhar em casa pode tornar-se tão rentável, que a melhor solução pode ser a criação de uma pequena empresa conquistando uma maior autonomia.

A Sage tem o software ideal para empresas que começam a dar os primeiros passos, Sage One. Sem necessidade de instalações difíceis, nem configurações complexas, basta um registo e podem faturar imediatamente. Funciona como uma subscrição mensal, em que o utilizador paga apenas a utilização, sem necessidade de contratos de fidelização. Deixem os vossos projetos ganhar asas, com Sage One os sonhos tornam-se realidade.